sábado, 12 de novembro de 2016

Cuidados ao escolher onde hospedar seu pet

Os feriados finalmente voltaram, o fim de ano está chegando e quem tem um cão ou gatinho de estimação sempre enfrenta o dilema entre viajar ou ficar para cuidar de seu ente querido. A boa notícia é que, mesmo que não seja possível levá-lo junto na viagem, é possível viajar tranquilo, deixando seu melhor amigo aos cuidados de especialistas.

Existem muitas opções no mercado, para todos os gostos e bolsos, indo desde pessoas que se dispõem a cuidar de pets para complementar a renda até hotéis especializados e estruturados para cuidar de animais. A qualidade, no entanto, também varia muito de um lugar para outro. Não é necessário escolher um hotel caro e sofisticado, contanto que os seguintes cuidados sejam observados pela pessoa ou hotel que cuidará de seu melhor amigo enquanto você viaja:
  • Segurança no local, com portões, grades e/ou cercas múltiplas para evitar fugas e sem objetos ou estruturas cortantes, inflamáveis ou intoxicantes nos espaços destinados aos hóspedes, além de vigilância ou alarme para evitar roubos;
  • Higiene apropriada, considerando que locais com grande movimentação de pets, como hotéis, pet shops e casas de cuidadores, devem ser higienizados com produtos antissépticos veterinários para evitar problemas dermatológicos, infecções ou transmissão de parasitas, fungos e bactérias;
  • Triagem adequada dos hóspedes, através da verificação da vacinação e da vermifugação dos hóspedes, além de cuidados especiais para evitar cruzas indesejadas;
  • Monitoramento em tempo integral enquanto os hóspedes estiverem acordados, para evitar incidentes com eles, com pessoas ou outros hóspedes;
  • Atividades recreativas para tornar a hospedagem mais divertida e compensar a saudade;
  • Alimentação ministrada de maneira organizada, em horários determinados para manter a rotina do pet;
  • Espaço físico adequado para caminhadas, corridas e brincadeiras, sem que haja a necessidade de passeios externos que podem ocasionar fugas;
  • Acomodações adequadas para dormir, limpas, arejadas, com espaço suficiente para a livre movimentação e altura suficiente para evitar a sensação de aperto, principalmente se forem fechadas;
  • Principalmente para cães que tem medo de fogos de artifício ou barulho, preferir acomodações com isolamento acústico ou situadas em locais isolados, garantindo aos hóspedes um sono tranquilo;
  • Por último, e não menos importante, certifique-se que as pessoas que cuidarão de seu amigão gostam de verdade de animais, para garantir todo o carinho que ele merece!

Todo detalhe é importante para que seu amigão fique bem enquanto você viaja. Além disso, todo cuidado é pouco e qualquer descuido pode ser fatal. Mesmo que haja um seguro, nada compensará a perda de um ente querido por fuga ou falecimento, ou ainda incapacitação ou feridas que podem nunca mais ser totalmente curadas.

Com esses cuidados, viaje tranquilo, sabendo que seu melhor amigo está em boas mãos, e aproveite para descansar e curtir!

Nenhum comentário:

Postar um comentário